Não precisa ser um gênio para inovar

No mundo contemporâneo cada vez mais as pessoas precisam ter novas ideias e pensar em diferentes soluções para os problemas rotineiros. No mercado de trabalho não é diferente essa cobrança por inovação e diferenciação é diária para um empreendedor. Esse é um desafio continuo e muitas vezes o empreendedor não sabe por onde começar.

Na empresa isso se torna ainda mais complicado. Muitos empresários ainda sentem dificuldade na hora de estimular a criatividade e gerar inovação nos seus negócios. Um dos motivos é falta de verba, falta de equipe ou profissionais criativos. Por isso vamos lhe apresentar o Scamper que é uma ferramenta que pode ajudar potencializar o uso dos recursos que você já tem disponível. Partindo do pressuposto de que não precisa ser um gênio para ter ideias criativas.

Muitos especialistas, pensadores e escritores da área de administração salientam a importância da inovação para o crescimento das empresas. Mas como o empreendedor faz para realizar um processo de inovação efetivo? que realmente gere novos produtos, novos serviço, novas versões? ou até mesmo gerar uma ideia totalmente diferente para mudar o rumo da empresa? O Scamper  pode ser é uma ótima ferramenta para lhe ajudar. Para isso tem-se que seguir algumas regras:

– Todos os funcionários da empresa devem participar do momento de criação.

– Este é o momento de estímulo de ideias, portanto não há espaço para críticas, mesmo as ideias mais absurdas devem ser consideradas;

– Para que a criatividade seja mais rica é muito importante que o processo tenha pessoas com perfis e conhecimentos diferentes;

– A quantidade é importante, o objetivo é gerar muitas ideias, mesmo que no final das contas algumas sejam  desconsideradas;

– As ideias não vão sair da reunião prontas. Elas deverão ser aperfeiçoadas e validadas posteriormente;

– É muito importante que tenha-se um facilitador/moderador acompanhando esse processo com objetivo de incentivar a geração de ideias, mas principalmente moderar o processo para que não haja boicote entre os participantes;

Após esse processo deve ser feito uma votação das melhores ideias considerando os objetivos da empresa. Sejam eles um novo produto, novo serviço ou uma nova ação de marketing.

Vamos praticar?

O Scamper é um acrônimo formado por sete letras originado de suas iniciais sendo sete ações para ajudar a pensar diferente.

Scamper significa:

Substituir

  • Que materiais ou recursos que você pode substituir ou trocar para melhorar o produto?
  • Que outro produto ou processo que você poderia usar?
  • Que regras você poderia substituir?
  • Pode-se usar este produto em outro lugar, ou como um substituto para alguma outra coisa?
  • O que vai acontecer se você mudar seus sentimentos ou atitude em relação a este produto?

Combinar

  • O que aconteceria se você combinar este produto com outro, para criar algo novo?
  • E se você combinar fins ou objetivos?
  • O que você poderia combinar para maximizar os usos deste produto?
  • Como você pode combinar talento e recursos para criar uma nova abordagem para este produto?

Adaptar

  • Como você pode adaptar ou reajustar este produto para outra finalidade ou uso?
  • Com o que mais é o produto se assemelha?
  • O que você poderia modelar e adaptar a este produto?
  • O que mais se assemelha ao seu produto?
  • Em que outro contexto você poderia colocar o seu produto?
  • Que outros produtos ou idéias que você poderia usar para inspiração?

Modificar

  • Como você poderia mudar a forma, olhar, ou sensação de seu produto?
  • O que você poderia adicionar para modificar este produto?
  • O que você poderia enfatizar ou destacar para criar mais valor?
  • Que elemento deste produto você poderia fortalecer para criar algo novo?

Propor outra utilização

  • Pode-se usar este produto em outro lugar, talvez em outro setor?
  • Quem mais poderia usar este produto?
  • Como este produto se comporta de maneira diferente em outro ambiente?
  • Você poderia reciclar os resíduos deste produto para fazer algo novo?

Eliminar

  • Como você pode agilizar ou simplificar este produto?
  • Que recursos, peças, ou regras que você poderia eliminar?
  • O que você poderia minimizar no produto?
  • Como você poderia torná-lo menor, mais rápido, mais leve, ou mais divertido?
  • O que aconteceria se você jogasse fora parte deste produto? O que você teria em seu lugar?

Reverter

  • O que aconteceria se você revertesse esse processo ou sequenciasse coisas de forma diferente?
  • E se você tentar fazer exatamente o oposto do que você está tentando fazer agora?
  • Como você poderia substituir componentes para alterar a ordem deste produto?
  • Que papéis você poderia reverter ou trocar?
  • Como você poderia reorganizar este produto?

 

É importante salientar que uma boa ideia não necessariamente pode ser é uma oportunidade de negócio, por mais criativa que ela apareça ser. Cabe ao empresário avaliar os benefícios dessa ideia para o segmento do mercado escolhido, e validar se ela realmente é adequada e trará um retorno esperado. Pois as ideias tem que trazer vantagens competitivas pois afinal invenção não é inovação. Inovação tem que ter valor de mercado.

Abrir whatsapp
Precisa de ajuda?