Como implementar Programas de Fidelidade em Pequenos Negócios?

Em um mercado competitivo e com muitas opções de empresas com produtos e serviços similares, conseguir com que o cliente siga sendo um consumidor assíduo é um desafio para qualquer lojista. E uma das ferramentas que podem te ajudar nessa briga é a implementação de um Programa de Fidelidade.

Com o objetivo de conseguir frequência nas compras por parte dos mesmos clientes, tornando-os habituais, os Programas de Fidelidade precisam seguir algumas regras básicas para surtirem efeito:

– Defina a ferramenta: pode ser desde o simples controle em papel, como um cartão de visitas, até ferramentas de gestão online ou aplicativos específicos.

– Determine as regras: a forma de obtenção de “pontos” e resgate de produtos precisar ser de fácil entendimento e com pouca burocracia.

– Calcule os custos do programa: saiba qual o custo que terá cada resgate de produtos e quanto o cliente precisou consumir para atingir tal pontuação.

– Cadastre seus clientes: não basta apenas o cliente ter as informações dos seus pontos; é preciso que a empresa saiba qual sua base de clientes e use isso para ações de marketing.

– Faça ações para divulgar o programa: o Programa de Fidelidade terá resultado expressivo se um grande número de consumidores o usarem. Então divulgue amplamente o programa.

A partir de ações coordenadas e alinhadas com a estratégia da empresa, o Programa de Fidelização será uma grande ferramenta para aumentar a carteira de clientes, sua frequência de compra e seu ticket médio. Com isso, o resultado do aumento das vendas garantirá uma maior lucratividade para o seu estabelecimento.

Mas lembre-se: essa é apenas uma das ferramentas de incentivo ao aumento do consumo, mas não o caminho definitivo e único para resolver todos os problemas de venda da empresa.

Texto desenvolvido pelo Consultor Bonsai, Romulo Tevah. Conheça mais sobre nosso profissional, clicando aqui.